quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Ana escolheu servir, e você?


"Todo ser humano tem o desejo de se destacar e de ser reconhecido.
Ninguém gosta de se sentir como se fosse apenas um na multidão, e normalmente quando isso acontece, as pessoas ficam frustradas e decepcionadas com o mundo.
No que se diz respeito á Deus isso não é diferente.
Todos desejam de alguma forma serem notados e honrados por Ele. Mas como nos destacar em um mundo repleto de pessoas? O que fazer para que Ele nos perceba?
Bem, havia uma certa mulher cujo o Senhor fez questão de mencionar em suas Palavras. Imagine você o que isso significa…
Eu tenho a mais absoluta certeza de que havia muitas outras mulheres naquela época, porém á essa mulher o nosso Senhor fez questão de chamar pelo nome…
O que você acha que ela tinha de tão diferente das outras mulheres? O que será que essa mulher possuía de tão especial para receber tamanha honra?
Pois bem, essa mulher era uma viúva de 84 anos que havia perdido o marido logo após os seus sete anos de casamento. Será que você já sabe de quem eu estou falando? Eu estou me referindo a Ana. E o que me chamou muito a atenção foi  fato dela ter dedicado o resto de sua vida servindo ao nosso Senhor no Templo com orações e jejuns logo após a morte do seu esposo. Normalmente quando isso acontece a pessoa fica murmurando e lamentando a sua perda, porém Ana foi diferente.
Eu sei que para muitas pessoas isso não significa muita coisa, pois normalmente as pessoas tem a tendência de olhar para as coisas grandes e notórias. Porém o nosso Senhor Jesus é diferente… Ele olha para a intenção do nosso coração, e Ele viu que Ana poderia muito bem ter se casado novamente e continuado com a sua vida, mas ela escolheu dedica-la á Ele.
É claro que eu não estou dizendo que você tenha que largar tudo e viver na igreja, não é isso! Porém nós também podemos servir ao nosso Senhor através do exemplo que damos a todos que nos rodeiam.
Mas como será que Anna conseguiu ser esse exemplo? Como ela conseguiu renunciar o seu desejo de se casar novamente e permanecer viúva até o ultimo dia de sua vida? O segredo dela foi pura e simplesmente em estar conectada com Deus todos os dias de sua vida.
Que essa história sirva de exemplo para todas nós!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário