segunda-feira, 5 de maio de 2014

O poder da língua


Há pessoas falam por falar, não pesa se o que vai falar, irá fazer bem ao próximo ou não. Temos que entender, que ninguém é igual a ninguém, as vezes você fala algo tão "inocente" mas acaba prejudicando alguém.
 Só quem sabe seu estado espiritual é você, não é mesmo? E assim são as demais pessoas, você não sabe a estrutura de ninguém para sair falando coisas que nem você está pronto para ouvir. Medir as palavras antes de pronuncia-las, te fará sábio, e inteligente.
Já ouvi falarem o seguinte: -"Se fulano ouviu, é porque Deus permitiu." É... pode até ser, mas lhe garanto, dependendo do que você falar ao seu próximo e tal não for nascido de Deus, certamente você falhara nas palavras causando, ressentimento e até mesmo uma magoa.
Alguém pode ficar magoado com Pastor? Sim. Com obreiro? Sim. Com Esposa de Pastor? Sim. Com Jovem? Sim. Posso fazer uma extensão gramatical aqui, e tudo será sim! Por isso é de extrema importância, saber o que falar, quando falar e onde falar.
Há quem não tem uma certa estrutura espiritual, outras não nasceram de Deus, e ai já viram, uma alma vai para o inferno, por palavras mal pronunciadas. A língua está presente em duas das sete coisas que o Senhor aborrece. Porque ela pode tanto edificar quanto amaldiçoar.
Precisamos tomar os devidos cuidados com nossa própria língua, por isso devemos orar continuamente, pedindo á Deus colocar as palavras certas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário