sábado, 7 de julho de 2012

No altar...

No ALTAR temos que entrar cientes de que estaremos sujeitos a TUDO, literalmente tudo. Guerras, barreiras, autoridades, e o não viver para si mesmo, mas viver como oferta viva para Deus. OLHAR PARA FRENTE independente das trevas que vierem atormentar o seu brilho, tudo por amor as almas - e com a certeza de nunca retroceder - pois quem tem a Deus, vê o inferno como faísca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário